terça-feira, setembro 13
  Não há almoços grátis...
 
Comentários:
Depois de tudo visto e respigado só um acrescento:
Sócrates já tinha decidido o papel de Alegre.
Este no final do repasto leria um texto (já escrito) de apoio à candidatura de Soares.
Alegre não gostou e desta vez não se vendeu.
Estes são os factos.
O Poeta, ao menos uma vez na vida, sai com honra.
 
Com honra, mas sem glória. É a sina dos que não se vendem... (infelizmente)
 
Recusou porque o restaurante não era grande coisa, ora ora.
Se o almoço tivesse sido combinado no solar dos presuntos a ver se ele recusava ;-)
Viva os poetas!
 
concordo
 
Visite
http://www.postcard-blog.blogspot.com/

e contribua!
 
Escrever comentário

<< Voltar

LINKS
ARQUIVOS


Track referers to your site with referer.org free referrer feed.

Lightscribe

Powered by Blogger

Estou no Blog.com.pt

Subscrever o Professor Doutor (RSS 2.0)